Dieta Mediterrânica

Posted in: noticias- Fev 07, 2019 Comentários desligados

A Dieta Mediterrânica é considerada um dos estilos de vida mais saudáveis. Originária dos países mediterrâneos, não está associada apenas à alimentação, mas também a elementos culturais e sociais, de modo a promover hábitos de vida saudáveis.

Após o seu reconhecimento como património imaterial da humanidade, a Dieta Mediterrânica tem sido estudada relativamente aos seus benefícios, sendo associada a uma maior longevidade e maior proteção contra doenças como a diabetes, doenças cardiovasculares, obesidade, entre outras.

Apesar de representarum modelo alimentar completo e equilibrado com inúmeros benefícios para a saúde, longevidade e qualidade de vida, apenas 10% da população portuguesa segue os princípios da dieta mediterrânica. É assim de extrema importância que haja uma maior promoção deste património sem se perder a sua essência quer a nível alimentar, cultural e social.

A alimentação mediterrânica é caracterizada pelo consumo de:

  • Alimentos de origem vegetal (hortícolas, fruta, cereais pouco refinados, leguminosas, frutos secos e oleaginosos);
  • Produtos frescos, regionais, pouco processados e sazonais;
  • Azeite como gordura preferencial.

O consumo moderado de:

  • Lacticínios;
  • Pescado;
  • Vinho, de preferência às refeições.

E baixo consumo de:

  • Carnes vermelhas.

Assim, como referido anteriormente, a Dieta Mediterrânica não passa apenas pela adoção de hábitos alimentares saudáveis. Esta encontra-se assente em alguns conceitos base, tais como:

  • A convivialidade à mesa;
  • Prática de atividade física;
  • Utilização de métodos de confeção simples e saudáveis, como ensopados, caldeiradas e cozidos;
  • Utilização de ervas aromáticas (tomilho, salsa, coentros…) para temperar, em detrimento do sal;
  • Água, como bebida preferencial;
  • Sustentabilidade, promovendo a região Mediterrânica.

Dado que o pequeno almoço é uma das refeições mais importantes, aproveite para iniciar o dia com uma refeição equilibrada, incluindo alguns dos princípios da Dieta Mediterrânica, como a inclusão de frutas, de laticínios com baixo teor de gordura, e também a convivialidade à mesa.

Referências:

  • Direção Geral de Saúde. Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável Padrão Alimentar Mediterrânico: promotor de saúde. 2016.
  • Barros, V., Carrageta, M., Graça, P., Queiroz, J., Sarmento, M. (2013). Dieta Mediterrânica – Um património civilizacional partilhado.
  • APN – Folheto: Os 10 Princípios da Dieta Mediterrânica
  • Cuidar da dieta mediterrânica no inverno. Disponível em https://nutrimento.pt/noticias/cuidar-da-dieta-mediterranica-no-inverno/

 

 

 

Captura de ecrã 2019-02-07, às 16.46.24